Tell me I’m your national Anthem

Some pics I did not post yet :) I’ll give it a chance now because I’m really bored and that’s it.

 

IMG-20160528-WA0034IMG-20160528-WA0031IMG-20160528-WA0030IMG-20160528-WA0051IMG-20160528-WA0050IMG-20160528-WA0052

Anúncios

Diário de Viagem #1

Viajei esse final de semana que passou com meu irmão e mais três pessoas. Apesar de ser somente um final de semana e de ter sido corrido posso garantir que foi uma viagem bem divertida!

Devo dizer que perdi todas as fotos que tirei entre Tianguá e Viçosa que estavam no meu telefone maaaas é possível ver algumas que postei no instagram (@nivea_msc) e minha prima Beth me doou algumas haha

Percorremos 700 km e fomos da serra até o mar. Pra que melhor, né? A parte ruim da viagem foi a dificuldade de carregar a bateria do telefone e o acesso a internet, por vezes inexistente.

Screenshot_2015-07-30-20-00-43_1

Saímos de casa sexta de tardezinha, umas 5:30 e chegamos em Tianguá umas 8:30. Jantamos na Churrascaria Barriga Cheia. Fica na BR e é fácil de encontrar. O espaço é aconchegante, fomos bem atendidos e o menu é variado, contendo também frutos do mar e massas. Devo acrescentar que os pratos foram servidos sem demora. Pedimos um churrasco misto (que vinha numa chapa), quatro poções de arroz e acompanhava ainda salada de batata e farofinha 😋. Para beber optamos por um refri. Tudo saiu por 60,00 e saímos, como o nome do restaurante sugere, de barriga cheia!

Uma coisa que me chamou atenção é que as poções de arroz são servidas em mini panelinhas de ferro. Achei muito legal!

Em Tianguá dormimos no sítio de uma tia (na verdade é da família do marido dela). Adoro ir por lá!

Lá amanhece assim. Depois das 8:00, por aí, é que o sol foi aparecer.

Lá amanhece assim. Depois das 8:00, por aí, é que o sol foi aparecer.

Compramos nosso café da manhã no Frangolandia. Um supermercado que fica a beira da BR também.

Por volta das 9:30 fomos ao Sítio do Bosco, parada obrigatória pra quem vai pela serra! Você paga 5 reais para adentrar o local. Antes de entrar há um pequeno estacionamento e o restaurante. Neste restaurante são servidos lanches (chocolate quente, misto quente, e etc), você pode pedir uma deliciosa galinha caipira ao molho e há também o selfservice. Optamos pelo selfservice. O prato acompanhado de um refrigerante em lata ou suco sai por 15,00 dinheiros e pode repetir. No dia que almocamos havia 3 tipos de salada, batata doce cozida, arroz, creme de galinha, feijoada, almôndegas, frango assado, linguiça assada e eu só lembro disso haushuahau

IMG-20150731-WA0020IMG-20150731-WA0021IMG-20150731-WA0022

Curtimos um pouco a sombra e a grama. As outra pessoas que viajaram conosco fizeram as trilhas existentes dentro do sítio. Como eu já as fiz outras vezes achei melhor guardar minha energia pra depois (mentira, era preguiça mesmo!) 🙈

Além das trilhas há no sítio uma pequena piscina e é possível praticar outros esportes como tiroleza e voar de parapente.

Screenshot_2015-07-31-14-19-57_1

Screenshot_2015-07-31-14-19-42_1

Balancinho tenso que dá num abismo hahaha tem um video no meu instagram @nivea_msc

Por volta das 14:00 seguimos para Viçosa. Me atrevi a ser motorista rá! A estrada estava em reforma, não lembro qual CE pegamos. Apesar de todos os desafios de asfalto remendado, partes do caminho em piçarra e outros motoristas maluquinhos o desafio mesmo foi subir até a Igreja do Céu. Um lugar muito bem conservado e lindo! Lá em cima há lojinhas de lembrancinhas e um restaurante.

Screenshot_2015-07-31-14-20-04_1

A vista lá de cima é de tirar o fôlego! Pelo que eu entendi dá pra ir pra lá pela ladeira (quase 90°) ou pela escadaria. Ouvi dizer que tem gente que sobe a escadaria local de joelhos (promessas) 😓

De Viçosa descemos a serra rumo a Camocin por uma caminho perigoso. As curvas são muito fechadas e é preciso bastante atenção e habilidade! Como já estava entardecendo fomos presenteados com um show do sol entre as nuvens. Infelizmente perdi as fotos 😢

Pro post não ficar muito longo resolvi postar o resto depois. Tial!  😘

Bárbara in the woods

Só pra quebrar aqui a falta de posts ahaha (um nao já? shuashuah). Tirei essas fotos da minha prima Bárbara dia desses e postei as que eu mais gostei. Fico besta como eles crescem rápido! Já vai fazer 15 anos minha prima irmã mais nova <3

Just to break this lack of posts. Here are some photos I took of my cousin Bárbara some time ago – these are the ones I liked the most.

They grow up so faaaast! She is  and will ever be my little sister – forever <3

Imagem
ImagemImagem

Semana Santa e ‘”Serra” de Santo Antonio.

Infelizmente não fui pro interior da minha Vó maaaas mesmo assim tive uma sexta ma-ra-vi-lho-sa! Fui acordada às 8 da manha com um ”Acorda Nívea que a gente tá saindo!”. Fomos à ”Serra de Santo Antonio” que na verdade nem é serra ( estas possuem de 600 a 3000 metros de altura) mas sim  chapadas com forma tabular parece (nestas as altitudes variam de 150 a 300). – Devia ter prestado mais atenção nas aulas de geografia =’D .

De qualquer forma é um lugar muito bonito e vale a pena pra quem curte ecoturismo! Já fui lá várias vezes com meus amigos e nunca me canso – não, pera! Você tem que ter resistência física, emocional, psicológica e espiritual pra subir ou então vai ficar tipo eu agora =’D

Imagem

A gente vai mais nesse menor aí que é o mais acessível, mas os meninos já foram em outras partes também.

ImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagem

Algumas fotos eu tirei e algumas foram outras pessoas já que a câmera passou pelas mãos de todo mundo!

Infelizmente a bateria da câmera estava descarregando então nós tiramos mais fotos do que gravamos. =/ Acho que vou fazer um vídeo mesmo assim.

Como chegar: Em Campo Maior você pega a PI-215 que leva à Alto Longá. Apenas. Qualquer coisa é só procurar no google maps =) 

Dicas: leve tudo o que for consumir pois lá não tem nada pra comprar por perto; recolha todo seu lixo – e de outro folgado que possa ter deixado lixo por lá; leve também um quite de primeiros socorros; assista Man x Wild (hahahaha); certifique-se de que está em boa forma ou arrisque-se mesmo assim; leve sua câmera pra não perder nenhum momento =’D

Cabô o post!

30 sec reading: We love because

Imagem

 

A natureza é uma manifestação do Amor de Deus.
Independentemente do que fazemos, a natureza continua a nos amar.
Vamos, portanto, respeitar e compreender o que a natureza nos ensina.

Nós amamos porque o amor nos liberta, e dizemos coisas que nunca, uma vez sequer tivemos a coragem de sussurrar para nós mesmos.
Tomamos uma decisão que nós vinhamos adiando.
Aprendemos a dizer “Não” sem pensar  a palavra como algo amaldiçoado.
Aprendemos a dizer “sim”, sem temer as conseqüências.

Esquecemo-nos de tudo o que foi ensinado sobre o amor, porque cada encontro é diferente e traz as suas próprias agonias e êxtases.

Nós cantamos mais alto quando a pessoa que amamos está longe e sussurrar poemas quando ela está próximo, mesmo que ela não escute e não preste atenção tanto nossos gritos ou sussurros.

Nós não fechamos os nossos olhos para o Universo e depois reclamamos: “Está escuro”.
Mantemos os olhos bem abertos, sabendo que a luz poderia nos levar a fazer coisas inimagináveis​​.
Tudo isso é parte do amor.

Nosso coração está aberto para amar e nos rendemos a ele sem medo, porque não temos mais nada a perder.
O amor é o que te faz sorrir quando você está cansado.
 
 
Parte do Manuscrito Encontrado Em Accra postado há algumas semanas no blog do Paulo Coelho. Achei que seria legal postar aqui =)

Eu quero comprar o livro, já está na minha cesta de compras e eu tô só esperando pra quando o frete estiver grátis (Y)